Pivotar é preciso

Meio ano já se foi. Ainda que sempre é tempo de ajustar a rota. Final de semestre é momento de mudar a direção de algo que você está fazendo e não está tendo o resultado esperado. Na linguagem de empreendedores, o termo normalmente utilizado para esse tipo de mudança é pivotar, que significa dar uma guinada no rumo de um negócio que não está tendo o resultado esperado.  É um giro do bem. Portanto necessário para a sustentabilidade do negócio. Se olharmos de um jeito mais amplo, na vida também acontece isso.

Marie-Christine Josso, pesquisadora de história de vida chamaria essas mudanças de charneiras ou dobradiças. (Para conhecer o trabalho de Josso eu indico esse artigo – A transformação de si a partir da narração de histórias de vida). Já Brené Brown em seu especial do Netflix diria que é estar na arena. De qualquer forma, precisamos de coragem para fazer o giro e nesse sentido, Pivotar pode ser dar uma pausa ao mesmo tempo que revê possibilidades e faz giro.

O termo pivotar vem do verbo em inglês to pivot girar em português, também conhecido mudar o ângulo do leme do barco. Já no ambiente de negócios o conceito parte da tríade  – construir, medir e aprender. O que mais fazemos nessa vida, não é mesmo? 

Foto Juliana Reis

No mês de julho eu pretendo escrever no blog sobre pivotar. Afinal, estamos em um mundo de mudança constante e se não acompanhamos tais mudanças não sobreviveremos nesse ecossistema.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s